Dicas culinárias

Os primeiros resultados podem ser um pouco desanimadores e muitas vezes deixam a sensação de que nunca mais comeremos algo saboroso.Mantenha a calma,  sentido de humor, uma mente e paladar aberto e dê boas vindas a novos sabores e texturas.Não desanime!

Os pães, bolos e massas sem glúten são um pouco diferentes daqueles feitos com farinhas com glúten.
A massa dos pães sem glúten geralmente tem uma textura similiar à de bolos, porém um pouco menos mole.Os pães e bolos sem glúten são melhores se consumidos no mesmo dia em que forem feitos. No dia seguinte, a maioria dos pães precisam ser aquecidos na tostadeira ou forno, ou no micro ondas para dar elasticidade. Nas receitas de pães usar água morna ou gaseificada pois ajuda o fermento a crescer.

Como substituir a farinha de trigo nas receitas?

Pode substituir a farinha de trigo que compõe uma receita, por uma mistura de farinhas sem glúten.Uma das características principais da farinha de trigo é sua maleabilidade,devida justamente ao glúten, uma proteína vegetal presente no trigo e que confere às preparações e receitas de pães, massas e biscoitos com farinha a sua elasticidade, flexibilidade e estrutura.

Podem ser utilizadas farinhas em conjunto para preparar uma mistura de farinha que se assemelhe à farinha de trigo.

Muitas são as farinhas que podem compor estas misturas.Misture várias farinhas para evitar que o sabor da farinha de arroz se sobressaia ou que fique a sensação de comer areia.

Para receitas de panquecas, crepes, pães e bolos pode ser utilizada uma farinha mista composta :

Esta é a proporção a utilizar:
amido de milho – 500 g
farinha ou creme de arroz – 250 g
fécula de batata – 200 g
polvilho doce – 100 g
goma xantana – 20 g

Misturar tudo muito bem e guardar em recipiente hermético.
Usar na mesma medida da farinha de trigo apontada na receita.

 

Procurando obter a mesma textura, estrutura e elasticidade nas massas sem glúten, podemos utilizar :

A GOMA GUAR uma fibra alimentar solúvel ,pode ser utilizada em preparações frias como mousses, cremes e recheios, e também quentes, no preparo de pães, macarrão fresco ou seco, bolos e biscoitos.

A GOMA XANTANA um pó resultante da fermentação de uma bactéria utilizada na elaboração de receitas de pães, bolos, massas e biscoitos.

O CMC muito utilizado na preparação de bolos funciona também como espessante das misturas cremosas como cremes, sorvetes e coberturas.